Abril 25, 2018

“O Último Metro” de François Truffaut de 1980: Cartazes e Fotografias

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios
Abril 25, 2018

“O Último Metro”, de François Truffaut, de 1980: Trailer

Abril 24, 2018

Boletim da 343ª Sessão: “O Último Metro”, de François Truffaut, 1980

François Truffaut já havia homenageado a literatura em Fahrenheit 451, dentro de um contexto político, e o cinema em A Noite Americana, dentro de um contexto emocional e amoroso. Em ambas as visões, a arte é um caminho para a revelação de alguma surpresa, de algum segredo. Em o Último Metro essas realidades são misturadas ao momento histórico da Segunda Guerra Mundial, durante a ocupação nazi na França, e ganham espaço no teatro, mais uma das artes que Truffaut admirava imensamente. (…) Continuar a ler

Abril 18, 2018

“Hiroshima, Meu Amor” de Alain Resnais de 1959: Cartazes e Fotografias

Este slideshow necessita de JavaScript.

Abril 18, 2018

“Hiroshima, Meu Amor”, de Alain Resnais, de 1959: Trailer

Abril 18, 2018

Boletim da 342ª Sessão: “Hiroshima, Meu Amor”, de Alain Resnais, 1959

Foi a longa-metragem de estreia de Alain Resnais, depois de se ter dedicado durante 10 anos às curtas-metragens documentais, onde já explorava conceitos presentes neste filme. “Hiroshima, Meu Amor”, cujo argumento é da autoria da escritora Marguerite Duras, era para ter sido um documentário sobre a reconstrução de Hiroshima depois da destruição provocada pelo lançamento da primeira bomba atómica da História pelos Aliados na II Guerra Mundial. Continuar a ler

Abril 11, 2018

“O Vagabundo de Montparnasse” de Jacques Becker de 1958: Cartazes e Fotografias

Este slideshow necessita de JavaScript.

Abril 11, 2018

“O Vagabundo de Montparnasse”, de Jacques Becker, de 1958: Trailer

Abril 11, 2018

Boletim da 341ª Sessão: “O Vagabundo de Montparnasse”, de Jacques Becker, 1958

Visão romanceada dos últimos tempos da vida de Modigliani. Gérard Philipe passeia de ar lunático e sonhador pelos bares de Montparnasse tentando em vão vender os seus quadros, enquanto é perseguido por um comerciante, qual abutre à espera que ele morra para se apoderar deles sem gastar um tostão. Continuar a ler

Abril 6, 2018

“Toni” de Jean Renoir de 1935: Cartazes e Fotografias

Este slideshow necessita de JavaScript.

%d bloggers like this: